14 abril 2017

A mãe de todas as estupidezes

Confesso que ao ler a notícia dos EUA terem lançado a "mãe de todas as bombas não nucleares"
sorri. É algo tipicamente norte-americano, é tipicamente trumpiano. Algo tanto espectacular quanto inútil, que denota uma total falta de entendimento da realidade. Muita Hollywood e pouco cérebro.

O lançamento da Gbu-43 tem dois aspectos fundamentais.

Em primeiro lugar lembra de que a guerra no Afeganistão nunca acabou, apesar dos proclamas. É a mais antiga guerra em acto, uma guerra que os EUA não conseguem ganhar. Antes os talibans e Al-Qaeda, agora o Isis: seja como for, Washington é desde 2001 que gasta dinheiro para controlar um território que não quer ser controlado. A União Soviética demorou 10 anos para entender que aquele País, feito duma miríade de vales escondidas, cavadas nas áridas montanhas, era algo sério. Aos Estados Unidos ainda não foram suficientes 16 anos para conseguir abandonar a ilusão de poder ganhar.

O segundo aspecto em realce é que o anuncio do lançamento foi feito pelos mesmos americanos, quase fosse um spot publicitário do Pentágono. é a confirmação de que em Washington a facção militar está a ganhar poder, cada vez mais. É um regresso à velha maneira de conduzir a política exterior, com mais botas no chão e menos trocas diplomáticas.

A Gbu-42 representa 9.5 metros de valor estratégico nulo, cujo fim é só enviar um sinal de potência para o exterior. São 8.5 toneladas de explosivo que não podem resolver conflito nenhum, servem apenas para mostrar as ideias do novo Presidente. E não parecem grandes ideias se acha que os problemas com o mundo árabe podem ser resolvidos com as mega-bombas...

No seguinte vídeo, o momento do impacto:


Pormenor que não deixa de ser irónico: a bomba serviu para destruir uma rede de tunneis construídos pelos EUA durante a ocupação soviética.


Ipse dixit.

13 comentários:

  1. Anónimo14.4.17

    Alegadamente, e segundo os americanos, esta bomba fez 36 mortos. Novas tecnologias a funcionar, pois a bomba conta as vitimas potenciais antes de as matar.
    Também alegadamente, e segundo o ISIS, a bomba não fez vitimas. Parece que o ISIS ainda não tem uma bomba para contar vitimas.
    Mesmo fazendo contas á moda antiga, estou mais inclinado para acreditar na segunda contagem.

    Krowler

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo16.4.17

      Então você pensa que a bomba MOAB resulta em 36 mortes ou não? Se algum dia esta bomba cair em Lisboa você terá a contagem exata de mortos.

      Eliminar
  2. Como diz a Sr.ª Teresa Guilherme... isso agora não interessa nada.... Grande bomba, forças armadas poderosas, poder politico musculado, industria do armamento em alta a da reconstrução também... grande pais, Good Bless America...felicidade ... consumo... estimulo á economia. Vencer a guerra ? E isso interessa para quê? Que siga a guerra que venham mais guerras, quem morre são sub espécies humanas e não o civilizado povo americano e se algum morrer...foi em defesa da pátria ...Good Bless America...felicidade ... consumo... estimulo á economia Os EUA não são um pais são uma mega produção de Hollywood ... CNN..FOX ... Tudo pronto a consumir, pensar para quê ?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo com a colocação, só ficou restrita!
      E queal o país do i-mundo que não segue a mesma proposta?
      Pelos likes e facebooks fica patente que o i-mundo inteiro segue a receita hedonista narcisista dos EUA!
      O que são mulheres de saltos altos, batons e roupas provocantes se não produções hollywoodianas de apelo pornô?
      O que são valetes tatuados e com corpos pasteurizadamente "sarados" via até ingestão espermática (sim, reposição de hormônio para "omem" implica em beber esperma, pois hormônio masculino é esperma!), cheios de brinco, e barba cuidadosamente mal feita senão atores hollywoodianos brincando de faz de conta que são valentes?
      Os selfies são os cartazes do filmes!

      Eliminar
    2. Anónimo15.4.17

      Vapera Vapera Vapera....
      Nao tornes o insucesso que tens com mulheres em odio a elas.

      Eliminar
    3. Insucesso com mulheres???
      Pense o seguinte: mulheres ficam loucas com inteligência, é natural, é o instinto seletivo determinando o mais eficaz reprodutor!
      Sigo o que falo, logo minha simetria é afinada, afinal nosso eu é refléxo de nosso espírito, e alem disso, meu cheiro é de um personagem que NUNCA ingeriu defunto na vida, é o odor de um macho que não tem o sangue ácido, não tem muita toxina dentro do corpo, e mais legal, nunca ingere tranqueiras!
      Imagine esse cheiro inundando as narinas de mulheres!

      Sou obrigado a me esconder porque até as mulheres de meus amigos acabam falando "tolices" em frente aos maridos por conta da exuberância do que se foca só na evolução, não posso me expor, ou acabo destruindo casamentos!

      Se vc em vez de se incomodar (parece a até a mulherada)com minha pessoa, se limitasse a fazer o que proponho talvez algum dia tenha o acesso a mulheres que eu tenho!

      Pode até achar que não, mas está fazendo propaganda de mim em blogs que não lhe pertencem, isso é meio afetado, não acha?
      Pergunto de novo: O que mais te incomoda em minha retórica, meu argumento antifecalistas? Acho que sim, afinal seu comportamento focado em macho é bastante ilustrativo!

      Quer continuar tentando? :D

      Eliminar
    4. Anónimo15.4.17

      Vapera Vapera Vapera....
      Sim... todos nos sabemos que todas as mulheres do planeta, da galaxia e arredores... quiça do universo caem a seus pés. kkkkkk

      Eliminar
    5. Anónimo16.4.17

      Vapera ! você é perfeito ou sofre de recalque? Você gosta de dar ré no quibe e ainda culpa as mulheres de sua nação.

      Eliminar
  3. Concordo. Essa bomba apenas serve para mostrar o poder dos EUA aos restantes países do mundo, e para intimidar certos países como a Coreia do norte. No entanto acho que não vai servir de muito visto que estamos a lidar com muito dinheiro e com "loucos". Agora só resta perceber quem fica de que lado. Pela minha opinião, se houver guerra, Rússia, china, Paquistão e possivelmente a Turquia vão ficar do mesmo lado... Veremos.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo16.4.17

    Os portugas criticando os United States? Se o Trump souber, as crianças não vão ganhar o visto para conhecer a Disney.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo16.4.17

    heheh já fui mas à eurodisney perto de Paris. A parte mais engraçada é aquela do it's a small world. A parte que representa os states deve agora ser misseis, armas e perucas. Sponsered by Mcdonald's com bonequinhos a irrigar as plantas com coca cola.

    Os piratas das Caraibas morreram todos, suspeitos de terrorismo segundo as agências secreta francesa.
    Que recebeu informação das congêneres americanas.
    O pato Donald está no novo pavilhão Guantanamo a ser torturado pelo abelhudo rato Mickey.
    Quem manda e é a atração é o Pateta, sabiamente acessorado pelos irmãos metralha.
    Na casa do horror deve aparecer a imagem acima.

    Nuno



    ResponderEliminar
  6. Bombas grandes, medo grande. Medo grande, respeito, aceitação passiva. Já vejo as pessoas na rua falando em guerra grande, como se guerra grande interessasse aos donos do mundo. Faz parte do espetáculo.

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...